Arquivo de etiquetas: administrador

Aniversário do Tribos e do Grepolis ’13

FANTÁSTICO!

A equipa solutions.pt organizou um almoço com as comunidades para festejar, mais uma vez, o 5.º aniversário do Tribos e o 3.º aniversário do Grepolis! Desta vez, no Porto.

Neste aniversário estiveram presentes, da equipa, o Ricardo, o ogait87, o EnteiRocks, a Larkin, a krislete, o Ricardofr, o fersal, o luisphilipus, o Chill Out., o lBOPE, o euu17, o ReD Chaos, a WolfGirl, a goofynas e o InKSane.

Como é tradição o espírito de equipa, este evento não poderia ser contado sem ajuda dos presentes…

Tal como no ano passado os jogadores também foram convidados a participar no evento.

Desta vez, tínhamos como novidade caras novas dos novos moderadores na equipa, como a WolfGirl, uma das primeiras a chegar, enquanto o pessoal se ia juntando aproveitamos para pôr a conversa em dia.

euu17

O motivo principal que me levou a estar presente neste almoço foi o facto de me estar prometido que iria receber um Mac, sim, leram bem, um Mac oferecido pelo Ricardo (com cola e batata frita…).

fersal

A goofynas, logo pela manhã, bem cedinho, fez as orações, despediu-se do cão e dos gatos, vestiu a armadura e seguiu para o encontro com a equipa e os jogadores.

Confesso que estava curiosa para ver quem aparecia e associar algumas caras aos nomes de utilizador.
Por ser no Porto, não havia o stresse do último jantar em Braga e ia confiante que conseguiria perceber que estava perdida antes de chegar ao Castelo do Queijo.

goofynas

O ponto de encontro era o café “Enjoy It”, ao lado da Estrada da Circunvalação.

A WolfGirl chegou mais cedo, porque pensava que ia ter dificuldade em arranjar lugar para estacionar, mas acabou por encontrar um parque quase vazio e o café, que seria o ponto de encontro, fechado.

“Ok, e agora? Vou ficar aqui à espera que alguém chegue…” Passado uns minutos vejo ao longe 3 rapazes. “Será que são? Será que não são da equipa?” Aproximam-se e o Ricardo diz: “Olá.” E eu: “Olá?” E eles apresentaram-se: Ricardo, ogait87 e euu17.

No início estava um bocado envergonhada… Aos poucos foram chegando, alguns com quem eu nunca sequer tinha falado e a esplanada começou a parecer-se mais com o “Mercado da Coscuvilhice”.

WolfGirl

Os novos chegaram bem cedo para “mostrar” serviço.

luisphilipus

Entretanto, outros membros iam-se encontrando no restaurante.

Quando a goofynas chegou ao restaurante encontrou um antigo membro da equipa, o Galrito, que estava num dilema sobre onde amarrar a sua bicicleta. Praticabilidade feminina número 1 by goofynas: “Porque não pedes aos senhores do restaurante para a guardarem?”

Apareceu o InKSane.

Enquanto estávamos em amena cavaqueira a tentar perceber se as pessoas que iam parando no passeio eram jogadores ou colegas que ainda não conhecíamos, o InKSane lembrou-se de ligar a alguém a perguntar por onde andavam. Lá fomos ter com eles a um café [ao suposto ponto de encontro] com uma agradável esplanada e “espetacular” vista para a Circunvalação. Já lá estavam colegas conhecidos e outros por conhecer. É sempre diferente apresentarmos-nos como “goofynas”.

goofynas

Na esplanada…

O Chill Out. tão caladinho… ao contrário do que se passa nas conversas da equipa. O ReD Chaos conversava com o InKSane e o luisphilipus sobre estratégias de guerra e a WolfGirl ficou agradavelmente surpreendida ao reparar que afinal não somos antipáticos.

goofynas

Depois de reunidos, fomos todos para o restaurante, onde já estavam os jogadores à nossa espera – foram identificados pelas lanças e as espadas encostadas à parede.

luisphilipus

A goofynas, o InKSane, o Ricardofr, a namorada do Ricardofr e o luisphilipus puseram-me bastante à vontade a caminho do restaurante e, para mim, foi muito divertido o convívio com toda a gente, em especial com eles. O fersal, o EnteiRocks e o ReD Chaos também foram bastantes simpáticos, mas tive menos contacto com eles.

WolfGirl

No restaurante, novamente para alguns…

Quando chegámos ao restaurante já lá estavam os jogadores, algumas caras até eram conhecidas do jantar do ano passado.

euu17

Já depois de estarmos no restaurante chegou a Larkin com os bolos… por sinal muito bons e com uma decoração a condizer com o motivo da “reunião”.

luisphilipus

Para o lBOPE o evento começou mais cedo, pois começou a jornada até à bela cidade do Porto (lBOPE), um pouco mais cedo que os restantes.

O almoço foi muito agradável, tive a oportunidade de conhecer e de poder conviver com os meus colegas da equipa de suporte do fórum e jogo. Tive também a oportunidade de poder estar com alguns jogadores com quem joguei e ainda jogo. Tínhamos um fotógrafo de serviço, um jogador, que fez questão de tirar fotografias à malta toda. Foi um momento muito engraçado.

lBOPE

O serviço foi bastante bom, volta e meia o senhor empregado aparecia a perguntar se queríamos mais lume que era código para “mais lombo”. Ficou prontamente conhecido como “o senhor do lume”.

Houve bastantes intervalos, o que dava para colocar a conversa em dia com a Larkin, o Galrito e o luisphilipus e por sessões fotográficas deveras irritantes. Mas o responsável (jogador do Tribos) era um senhor bem-disposto e tornava-as menos “torturosas” (ou talvez não)…

goofynas

Depois, durante o almoço lá fomos conhecendo melhor o pessoal, principalmente os jogadores do Tribos, como é claro.

Enquanto aguardávamos pela chegada da krislete, aproveitamos para tirar umas fotografias para a recordação.

euu17

Boa conversa e boa disposição. Ficámos a conhecer melhor o ReD Chaos e a Wolfgirl, que se mostraram bastante simpáticos, foi bom conhecê-los.

Ricardofr

Estavam lá os “suspeitos do costume” , e mais alguns.
Os novos moderadores do Grepolis, alguns deles – os que estavam presentes, pareceram ser bons colegas e vão certamente dar um bom contributo à equipa.
Os outros moderadores, que pessoalmente menos conheço, do Tribos, parecem ser igualmente muito unidos e ativos, contribuíram e bem para uma tarde bem passada entre todos os que ajudam estes jogos a evoluir, e como vemos, para melhor.
Em relação aos “suspeitos do costume”, estão todos no bom caminho, são uns “tinhosos”,  somos amigos, é mais do mesmo, que mais se pode dizer…

InKSane

Fiquei bastante surpreendida com a forma de ser dos membros da equipa, acho que são todos incrivelmente acessíveis e simpáticos, foi o que mais me surpreendeu. Ao longo de todo o almoço não faltou assunto de conversa, toda a gente com boa disposição, piadas não faltaram, e histórias divertidas também não.

WolfGirl

A escolha da sobremesa também tinha deu pano para mangas…

O Ricardo, com a sua voz de comando, comunicou-nos “Aqui é molotov!” ao que prontamente entendemos que era para escolher molotov. Quando o empregado de mesa recolheu o pedido do Ricardo, informou-o de que já não havia molotov. Pelo que houve um urgente rearranjo de pedidos de sobremesas.

goofynas

O almoço decorreu com “normalidade” até à sobremesa, onde o “respeito” foi notório.
Ricardo: “Eu vou comer molotov!”
Os moderadores do Grepolis uns para os outros:
– O Ricardo disse aquilo porque tem de ser molotov para todos?
– Em caso de dúvida… “Molotov”!
Todos escolhiam molotov, até que ficamos a saber que não era “sobremesa obrigatória”, antes pelo contrário, só haviam 2 molotov’s… (UPS)
Lá tivemos de escolher outra sobremesa… (ainda bem, não gosto de molotov… :D)

 luisphilipus

 A sobremesa prosseguiu com outro ponto alto… 

A odisseia do Galrito na sua “matança de formigas”.

luisphilipus

Durante o almoço fomos brindados com a tática do Galrito para matar formigas. Uma coisa posso garantir, no decorrer da história, por mais ideias idiotas que déssemos, não suplantava a realidade.

goofynas

Um dos meus momentos preferidos foi quando o Galrito contou a história de quando ele “catapultou” as formigas para as tentar matar até perceber que não ia conseguir e a Larkin atender o telefone e explicar-lhe como se devia livrar das formigas…

WolfGirl

O momento mais engraçado para mim foi quando o Galrito contou como se livrava das formigas, com fósforos. Essa, sem dúvida, foi a melhor parte do almoço, ri-me a perder. O convívio foi do melhor. Toda a equipa, Grepolis e Tribos, era excelente. Espero que se façam mais convívios destes.

ReD Chaos

Outro foi quando o InKSane contou que passados dois dias de começar a jogar Lagoonia, entrou no jogo e apareceu-lhe uma personagem do jogo grávida, então ele fez logo Alt+F4 e não voltou ao jogo, com medo que ela lhe viesse pedir o dinheiro para sustentar o puto. (Isto contado por ele tem muito mais piada…)

WolfGirl

Após a aguardada chegada da krislete… BOLOOS!

Entretanto, chegou a krislete e podemos passar aos bolos. Bonitos, bem doces e prontos a ser devorados pelos guerreiros presentes.

O primeiro bolo a chegar foi o do Tribos… um guerreiro careca de lança na mão e com ar de corajoso. Mas assim que viu a entrada do Zeus ficou “partido em dois”… foi isso ou a Larkin…

luisphilipus

Foi pena a krislete chegar tarde e não ter almoçado connosco, mas ainda bem que chegou a tempo do bolo, porque adorei vê-la e à Larkin a abrirem os bolos. Foi muito engraçado ver as duas muito compenetradas a tirar os agraves com muito jeitinho e o Ricardo aparecer com a tesoura para cortar os plásticos…

WolfGirl

O final do almoço foi coroado com 2 magníficos bolos com a figura do Paladino do Tribos e de Zeus do Grepolis.

A Larkin matou saudades dos seus tempos de jogadora, cortando as pernas ao Paladino e trespassando-o com a lança. Enquanto que o lBOPE mostrou como se destrói uma muralha, devorando-a. Zeus aguentou firme e hirto até ao fim da celebração.

goofynas

As primeiras despedidas…

Depois de mais umas quantas brincadeiras, piada para aqui e para ali… chegou a hora de sair do restaurante.

luisphillipus

Quando (finalmente) saímos do restaurante, o Galrito foi brindado com a segunda praticabilidade feminina do dia, desta vez by krislete.
Galrito: “Que faço à bicicleta? Vou pô-la em casa? Amarro-a ao poste?”
krislete: “Porque não pedes para a deixar aqui e vens buscá-la amanhã?”

goofynas

E tivemos as primeiras baixas, e de uma estreia, que se foi embora, mas com um sentimento de orgulho para todos.

O que eu mais gostei do almoço do Grepolis e do Tribos foi de conhecer o pessoal, tudo pessoas 5 estrelas. Foi uma boa tarde passada na companhia de pessoas muito engraçadas e simpáticas.  E também da comida, estava deliciosa, como as sobremesas e as entradas.

Quem me surpreendeu foi o InKSane, nunca pensei que ele fosse assim uma pessoa tão agitada e sempre pronto para a “borga”, gostei de conhecê-lo.

As minhas expectativas foram as melhores, diverti-me com o pessoal, foi um almoço bem passado, com boa gente.

ReD Chaos

No final, posso dizer que correu tudo bem, pela parte dos jogadores, pois não estavam armados, mas antes com os dentes desarmados com tanta fome por estarem à nossa espera há muito tempo. Agora quanto ao menu prometido pelo Ricardo, esse foi uma deceção…

fersal

Nova etapa!

O passeio programado foi para um bar em Leça da Palmeira – “Bar da Memória”. Aí, estivemos todos reunidos, seja na conversa, seja nos jogos de cartas.

 luisphilipus

Ao fim do almoço fomos todos até Leça da Palmeira onde durante a viagem, quando perguntava ao Galrito: “Estas a ver o Ricardo?”, ele dizia “Sim, sim, vai ali a frente!”, mesmo quando ele já não ia à nossa frente…

Uma vez lá no bar, houve quem se entreteve a jogar póquer, outros Monopoly Deal e outros, como eu, a ver o jogo do Barcelona.

euu17

Fomos ter um bar muito “bacano”, juntinho ao mar, com música ambiente. Passámos lá um bom final de tarde, foi pena não haver la uma mesinha de matraquilhos ou uma maquinazinha de setas, mas foi também muito interessante. Tivemos também a presença de alguns dos jogadores que foram ao almoço.

 lBOPE

Ainda fiz um “All In”, enquanto outros jogavam aquela cena do… “Rhh Rhh… Luke i’m your father… Rhh…”, lá da guerra das estrelas…

InKSane

De que é que estás a falar, InKSane?! Vá, a goofynas e o luisphilipus explicam…

Além da boa conversa, algumas pessoas dedicaram-se a um feroz jogo de póquer. A krislete e o ogait87 dedicaram-se a um jogo de cartas que tinha regras tão estranhas como “a carta X vale Y, mas se for à segunda-feira, as terças e quintas vale Z, mas só depois do pôr-do-sol, senão vale K mas se estiver associada à carta W” (obviamente, não prestei grande atenção às regras).

goofynas

Um dos jogos em causa nunca tinha visto, e a única coisa que aprendi é que as regras mudam a meio do jogo, literalmente!

 luisphilipus

…ou então, não, não explicam.

Depois de um tempo a olhar (aborrecidamente) para o jogo de póquer, desafiei a Larkin a pegar num dos vários baralhos que tinha trazido e vir jogar. O escolhido foi Monopoly Deal. O início foi meio tremido, depois de 5 minutos a tentar perceber as regras, desviámos o ogait87 para nos vir explicar como jogar. Quando finalmente começámos a sério (a primeira vitória da Larkin não conta) a namorada do Ricardofr conseguiu ganhar um jogo. Perante a nossa incredulidade verbalizada com um “Deixa ver…”, desabafou:
– Porquê que ninguém acredita em mim?

Os jogadores foram saindo de mansinho (ou nós é que estávamos absorvidas no jogo). Quando a Larkin reparou que só restavam membros da equipa, perguntou:
– Quem é que baniu os jogadores todos?

 goofynas

Seguiu-se o jantar em Famalicão

Há noite, já só com os membros da equipa, fomos jantar a Famalicão, e lá é que deu para conhecer melhor a equipa. Tive um contacto mais direto e falei mais à vontade. Depois do jantar, antes de irmos embora, na altura do café, criou-se um debate muito saudável entre o EnteiRocks e a Larkin sobre a tourada, e mais tarde evoluiu para um tema um pouco diferente, “Pessoas vs. Animais” – foi muito engraçado porque ambos tinham argumentos bastante válidos.  Houve muitos outros temas, muitas risadas, muitas mesmo, e gostei imenso.

lBOPE

O restaurante era agradável, a companhia ajudava (a sangria também). Apesar de quando a krislete se sentou queixou-se que a tinham deixado sozinha (na ponta da mesa), mas revelou-se uma localização excelente, porque o empregado colocava tudo à sua frente, inclusive os jarros de sangria.

goofynas  

E entre conversas e comida, lá se foi passando o tempo a voar, até que muito educadamente nos mandaram embora do restaurante porque queriam fechar.

euu17

A conversa prosseguiu animada, tão animada que fomos os últimos a sair do restaurante. E acho que só saímos porque mais uma vez “tivemos de sair” (2 em 2, não perdoamos… :D)
O Ricardo, num ato de gentileza diz ao empregado:
– Quando quiser fechar, diga.
– Já estamos nas limpezas, só falta vocês saírem. (UPS)
E pronto, depois disto lá saímos… mas quais sobreviventes, ainda nos mantivemos “à tona da água”, e permanecemos na mais amena cavaqueira no exterior durante pelo menos mais uma hora.

luisphilipus

O que fica…

Mais uma vez foi um encontro bastante agradável e foi bom conhecer os jogadores (lendários) do Tribos. Tive alguma pena que os jogadores de Grepolis não tivessem aderido a esta iniciativa. Entre os colegas que entraram recentemente na equipa, foi uma oportunidade para nos conhecermos melhor e verificar que somos todos relativamente “normais”.

goofynas

Mais um encontro, cheio de coisas boas e onde o espírito da equipa ficou bem patente. A continuar assim, ninguém nos pára e seremos cada vez mais e melhores!

luisphilipus

A desilusão maior foi não terem aparecido jogadores do Grepolis, isso acabou por entristecer um pouco.
Em resumo, foi um almoço muito divertido e foi um prazer conhecer todos pessoalmente. Só tenho a agradecer por me receberem tão bem e me porem completamente à vontade.

WolfGirl

E assim finalizou mais um encontro, como de costume, muito agradável e aguardar até que outros venham.

euu17

Chegou a horinha de ir embora, e posso dizer que adorei o dia por completo. Há malta que não foi, e falo em concreto dos outros novos moderadores, como eu, mas acho que foi muito importante este contacto “cara-a-cara” com a equipa e perderam um grande dia.

lBOPE

Sem dúvida uma experiência única e inesquecível. Apesar de ser a primeira vez, todos se mostraram atenciosos e incentivaram-me a dialogar um pouco mais com eles. Fiquei a conhecer um pouco mais de todos os que se encontram para lá do ecrã, com quem todas as noites temos conversas fiadas.

Encontrei também colegas e amigos de alguns mundos do servidor português, com quem compartilhei experiências adquiridas ao longo destes anos.

É com orgulho que digo que nunca esquecerei este dia.

 Chill Out.

Foi uma uma boa experiência. Malta porreira e os bolos fenomenais.
Aguardo pelos próximos e espero estar lá outra vez e, se puder, até ao fim 😉

InKSane

Foi um encontro cheio de boa disposição, como de costume. Foi bom conhecer os jogadores do Tribos e, felizmente, a equipa Grepolis compareceu em força para contrabalançar os números.

Espero que o próximo aniversário seja tão ou mais divertido que este e obrigado a todos por este bom momento que passámos.

Ricardofr

Vejam como foi o convívio, seguindo as nossas páginas no Facebook:
http://www.facebook.com/solutions.pt
http://www.facebook.com/Tribos
http://www.facebook.com/Grepolis.PT

A equipa solutions.pt deixa um especial agradecimento a todos os membros e jogadores presentes por mais um excelente e inesquecível aniversário e que, para o ano, possamos contar com a vossa presença e de mais!

Continente aí vou eu – 1.º Episódio

Era Primavera, num belo dia chuvoso, Lisboa acabara de ser eleita a melhor cidade para visitar da Europa, não havemos de criticar apenas o nosso país,  mas salientar também aquilo que o mesmo tem de melhor.

Da esquerpa para a direita: Estr1ga, Kris59, Arodrigues e Shanan

Foi então que o nosso Co-Administrador (ARodrigues) decidira viajar para finalmente conhecer os seus companheiros de equipa, primeira paragem Lisboa. Após uma recepção calorosa, a visita (Curta) por Lisboa teve inicio  num tradicional autocarro da Carris (Transito e mais Transito), finalmente Parque Das Nações, seguiu-se umas apostas no casino, um passeio por teleférico, e eis que encontram a Maquina Digital, para poderemos registar o momento.

Conversas, que nunca mais terminavam e o tempo voou,  a hora do nosso caríssimo Co-Administrador, voar até ao porto estava próxima. As despedidas começaram, e calhou-me a mim ir por a encomenda no avião ( temos sempre de mandar um enviado para certificar que a encomenda não volta para trás).

Fica aqui alguns dos momentos que marcaram aquela tarde.

Após esta pequena introdução de inicio de viagem, decidi fazer umas breves questões ao nosso Co-Adm (Arodrigues):

Estr1ga : O que o trouxe por Portugal continental, foi o seu desejo de conhecer o continente ou realmente conhecer todos aqueles que trabalham diariamente consigo?

Arodrigues :  O continente já conhecia, moro nos Açores e apesar de lá ter acesso a todos os bens de que necessito costumo ou melhor costumava deslocar-me a Lisboa para desanuviar e para estar a par da novas tendência. Assim o que motivou sem dúvida a vir ao continente foi sem dúvida a grande vontade de conhecer pessoalmente os meus companheiros de equipa.

Estr1ga : O que mais gostou no primeiro impacto que teve com os seus companheiros de equipa?

Arodrigues : Podia estar horas a enumerar o que gostei no primeiro que tive com os meus companheiros, mas sem dúvida aquele que mais me marcou foi a boa disposição dos mesmos, que era contagiante.

Estr1ga : Alguns dos seus colegas preparam um recepção calorosa, pode-nos descrever a mesma?

Arodrigues :Não, não posso. Prefiro manter esse pormenor em segredo. Apenas pode confirmar que foi sem dúvida um recepção muito caloroso, que causou impacto nas pessoas estranhas que nos rodeavam e mais não digo.

Estr1ga : Ficará o desejo de voltar ao continente? Ou irá voltar para a “Ilha” e nunca mais vai por os pés no continente?

Arodrigues : Sim, fica com a minha partida uma vontade imensa de voltar ao continente, para matar as saudades e rever os meus companheiros de equipa.

Continua!!!

Não percam o próximo episódio porque nós também não!!!

Tribos a caminho da versão 6.2

Brevemente faremos uma nova actualização no Tribos, caminhamos assim para a versão 6.2

Com esta nova versão podemos contar com:

  • MAPA (PA): icons de ataque foram alteradas
  • Aldeias que estão a receber ataques serão marcada com uma espada.
  • As aldeias que está atacar serão marcadas com um machado
  • ALDEIAS: alguns caracteres serão agora ilegais (por exemplo <, > , “)
  • RELATÓRIO: mudado o tiluto para “conquistado” quando uma aldeia é conquistada.
  • RELATÓRIO: Recebe um relatório, se a sua reserva for removida por um líder.
  • MEDALHAS: saqueador, os textos foram alterados.
  • MEDALHAS: corrigido o ordenamento em modo de convidado.
  • FÓRUNS PARTILHADOS: é possível mover tópicos para fóruns partilhados.
  • BUGFIX: códigos bb de coordenadas nos fóruns abrem-se numa nova janela.
  • Entre outras.

Esperamos que estas novidades venham de encontro a uma experiência ainda mais aliciante no Tribos.

Ricardo, Administrador de Comunidade

Agora quem é o Anjo da Guarda…

Se há algo em que estarei de acordo com o Advogado do Diabo é a confortável sensação que este anonimato me confere. Reparei que num artigo passado alguém atribuiu a autoria dos meus textos ao Administrador de Comunidade.

Naturalmente não irei sair do conforto deste pseudónimo para revelar a minha verdadeira identidade, verdade seja dita que apenas um grupo muito restrito sabe quem na realidade sou, tal como a verdadeira identidade do Advogado e assim permanecerá por um longo período de tempo se depender da nossa vontade.

No entanto, tal como o Advogado fez, irei dar algumas pistas sobre quem sou sem revelar nada de pessoal. Creio que mais que o meu nome verdadeiro é o meu percurso, o que ficou para trás, o que faço agora e o que planeio para o futuro é o que faz de mim quem sou hoje.

Ironicamente, conheço pessoalmente o Advogado há muitos anos – os nossos caminhos se ligaram com um episódio na nossa vida, já em tenra idade tínhamos formas distintas de ver o mundo apesar de toda a nossa ignorância e teimosia de provar o outro de errado. Por algo estranhamente normal criamos um laço de amizade que até aos dias de hoje se mantém. Embarcamos no mundo académico nas mesmas áreas sempre com a picardia de provar o outro de errado, algo que até hoje continua. Partilhamos amigos, colegas e conhecidos e situações do arco-da-velha, porém em todo as nossas discordâncias conseguimos sempre encontrar o meio-termo de berros em discussões filosóficas.

Ao contrário do Advogado, eu acredito que as pessoas são mais que meramente o produto das circunstâncias – não removo a importância destas, mas acredito que há um padrão de morais dentro de nós capaz de se elevar ao que nos envolve. Por esse mesmo motivo acredito que as relações entre as pessoas podem durar e funcionar (e não falo exclusivamente das amorosas).

Porém com a convivência e influência do Advogado, também vejo que o mundo não é apenas um mar de rosas e existe algo por baixo do encantado perfume marcado pelos espinhos. E aqui fica a verdadeira diferença entre nós, ora o Advogado acredita que quando nos afundamos para essa área devemos mudar e perseguir algo novo, para mim devemos avaliar a situação e descobrir se é valido investir nesta circunstancia temporal e melhorar ou se tal visão é utópica.

Ao contrário que muitos possam pensar, entre nós existe uma grande proximidade da realidade abordada de uma forma muito sintética. Porém um acredita na construção das condições ideias ou outro acredita na filosofia da altura certa e local certo.

Qual das formas é a postura correcta na vida? São as duas, é encontrar o local certo, na altura certa para construir o momento “perfeito”. Contudo, é quase impossível combinar estas duas posturas e acaba-se por ter de se arriscar. Como diz o Advogado, acaba por ser como andar com óculos escuros durante a noite, nunca se sabe contra o que esbarramos.

O vosso,
Anjo da Guarda

Grepolis

Alguns dias atrás foi aberta a versão beta publica do Grepolis em alemão, em poucos minutos os mil lugares disponíveis foram rapidamente ocupados.

Enquanto os jogadores participavam na corrida a lugares disponíveis  da versão beta, a equipa de administração estava a ser atacada na versão de testes interna. Como resultado perdemos 3 aldeias…

Porém, não ficamos menos motivados e continuamos a jogar arduamente até ao reset de ontem. Isto tudo para dizer que neste momento estamos a testar novas funcionalidades do jogo que prometem serem muito interessantes e revolucionar ainda mais este jogo.

Por enquanto iremos continuar a jogar e deixamos-vos com um trailer do jogo e a noticia que possivelmente a entrada do Grepolis em Portugal poderá estar para “breve”.

Ricardo, Administrador de Comunidade

Duas semanas para pensar e nada de jeito…

Como seria de se esperar após uma semana super atribulada e centenas de coisas para fazer, as perguntas ficaram atrasadas… mas cá estão as respostas. Tenho que dizer que isto é verdadeiramente divertido de fazer, especialmente pelas conversas que temos enquanto respondemos às questões que por vezes acabam por aparecer aqui transcritas…

Fica assim, a ideia de um dia ser feita uma gravação das respostas 🙂

Até segue-se em texto,


Zauri.: (Ricardo) Já teve algum contacto com os próprios fundadores da InnoGames? Se sim pode descrever um pouco da personalidade deles.

Ricardo: Sim, já estive pessoalmente com eles, tenho a dizer que são espectaculares, apesar de serem pessoas super-ocupadas sempre que vou à sede eles encontram um tempo para dialogar. Tanto os fundadores como os funcionários da empresa são pessoas acessíveis a partir do momento em que se conhece pessoalmente as pessoas.


ivan17: (Ricardo) Já ponderou arranjar substitutos para os moderadores durante as férias de Verão?

Ricardo: Na realidade, não. Verdade que no verão torna-se mais complicado de gerir tudo, porém não tem lógica recrutar pessoas apenas para o verão. Quando recrutamos um membro da equipa o esforço que é exigido no seu treino tornava-se desperdício se fosse apenas para o verão (e não chegava o tempo).


Sir. Costa: (Ricardo): Como é ser Administrador deste Jogo, e uma Pessoa Normal no Dia-a-dia?

Ricardo: ora bem, ser administrador de uma comunidade online é muito trabalho, por vezes parece que é fácil e feito às três pancadas, mas na realidade é bastante trabalhoso. Porém gosto imenso da área e especialmente das pessoas que fazem parte da minha equipa. Ser uma pessoa normal no dia-a-dia, bem é tudo menos normal… Apesar de fazer uma clara distinção do online e do real-life, muitas outras pessoas não o fazem. Já tive um jogador que me abordou na fila de um super-mercado e começou a fazer perguntas sobre o jogo e a namorada dele estava à espera. Fora isso sou uma pessoa bastante extrovertida portanto os meus dias são tudo menos normais.


gs720: O que é ser um moderador?

Ricardo: Não sei se é por ser 6 da manhã e o alfa parece que está a andar mais devagar ou se é do sono… mas acho que esta pergunta não é tanga…

Sudritter: Isso é um conceito muito vago, depende de cada um. Para vocês são inimigos, para nós é o dia-a-dia (lol)

Bebesinha: Atenção o pequenino quer se concentrar.

Larkin: Aspirina para quê?!? Sou uma moderadora calma.

Pekenino: Espera, bah, estou a tentar concentrar-me. Bem vamos lá: Saber controlar-se, saber manter a calma, ter quilos de paciência, saber ser imparcial independemente de tudo que aconteça na vida pessoal e profissional. Por fim, saber avaliar e saber criticar e aceitar críticas.

Lamios: eu sou novo e sou redactor-chefe do jornal, será que me deixam responder? Ser moderador é novo para mim… no entanto suponho que seja manter o fórum limpo e organizado para todos os utilizadores, bem isto é giro ser da equipa eheheh

Relaxxx: Ser moderador do fórum é manter tudo organizado, limpar o spam e ajudar as pessoas (novatos) em especial

Bebesinha: Graxistas, para mim fechou a caça, nenhum destes pratos me agrada. De facto não sei, sou moderadora e não moderador.


Lamios: Quão chato, de 1 a 100, é o pekenino? E, pekenino, quão chatos são os outros de 1 a 100?

Ricardo: 101! Durante o dia e mais 20% durante a noite!

Tiagus: 1000

Relaxxx: 101

bebesinha: rebentou a escala

Sudritter: 110

Tiagus: 100000000000000000000000000

Lamios: eh pa a pergunta é minha mas agora estou neste lado lol

Lamios: ainda não conheço bem por isso dou um 60

Ricardo: este é o tipo que fez a pergunta!?

EnteiRocks: Até se safa, 99!

Ricardo: Nem digo nada…

Ricardo: Ninguém registou as respostas do pequenino!? Não me digam que ele ficou a falar sozinho outra vez…


GoNGaXInHuO: Quando foi anunciado aquilo de nunca darem a palavra-chave e essas coisas, foi porque vos apeteceu, ou o número de mensagens desse género aumentou?

Ricardo: Na realidade, foram denunciadas varias mensagens de nomes de utilizadores diferentes e por esse motivo decidimos precaver antes de haver problemas sérios.


ivan17: (Ricardo) O fórum está autorizado a efectuar parcerias com outros fóruns? Se sim, como e quem analisa essas propostas de parceria?

Ricardo: A decisão cabe-me a mim tomar se existe alguma vantagem. Até ao presente momento nunca recebi uma proposta que tivesse interesse para a nossa comunidade. O processo é simples, deve ser enviado por email (para Ricardo.vitoriano@innogames.de) a proposta e os motivos para ser feita tal parceria.


Rafita King: Ao longo dos anos de moderação e/ou jogo, quais foram as pessoas com quem mais simpatizaram (excluam das respostas nomes do suporte, esses sabemos que sao uma familia)

Ricardo: Não tenho contacto com jogadores deste servidor. Se for de todos os servidores, com toda a certeza foi o Frank do net2.

Sudritter: Guyincognito, alca, tiagus, cerelac, licorzita…. e mais alguns.

Lamios: bem comecei agora, por isso vou dizer gatekeeper, nunca dá trabalho nos warns, podemos simpatizar mas não pode influenciar o nosso trabalho.

Bebesinha: dêcha cá ver…  Nuno és um amor!

Tiagus: Guyincogognito, alca, tiagus, cerelac, devil.8, Bl0w, sudritter, Mewt, selic08 pekenino, (mesmo antes da moderação) e ainda muitos mais.

Ricardo: Tiagus!? nomeaste-te a ti próprio!?

EnteiRocks: Relacionado com o jogo, eram todos do .net e já lá vão uns anos.

Pekenino: A nível do jogo foi com a Dcml, nmom83, Sol*, Repper, FPnacho, Pinrage, Fox., Lenaaraujo, Tiagus, Alca, Efnf18 e ainda mais um ou outro.


Uchitel: Quais as suas expectativas para o Tribal Wars Portugal?

Ricardo: Manter o crescimento estável e uma maior integração no projecto solutions (ainda secreto), porém com muitas novidades!


Uchitel: Existe alguma implementação no site que esteja em andamento e que seria legal avisar-nos?

Ricardo: Existem! E muitas! as ideias que estão no papel à espera de passar para o mundo virtual são imensas. Uma das ideias que brevemente irá migrar para os sistemas será o controlo de bloqueios e histórico destes acessíveis ao jogador.


Uchitel: Ocupa muito tempo ajudar na administração?

Ricardo: Sem contar com esta semana que foi especial, perto de 60 horas por semana.


Uchitel: Você consegue administrar, e ainda sim ter uma vida normal?

Ricardo: a minha forma de ser já deixa pouco espaço para o “normal”, mas a maior dificuldade é mesmo com o tempo. Talvez por isso quando tenho tempo gosto de passar com os meus amigos negligenciados e fazer todas as maluquices.


Uchitel: Quais são seus objectivos a curto prazo para o TW? E a longo prazo?

Ricardo: a muito curto prazo será a recruta de muitos novos moderadores. A Longo prazo é continuar a desenvolver projectos a integrarem-se na comunidade


Uchitel: O que levou a enviar a sua candidatura de administrador a Inno?

Ricardo: A culpa foi do Nino, como dito nas respostas anteriores. Ele acordou-me de madrugada (perto das 10 da manhã) e eu aceitei a proposta ainda a dormir.


Uchitel: Já alguma vez o TW se sobrepôs à sua vida pessoal?

Ricardo: Quase todos os dias…


Uchitel: O que mais adora no Tribos?

Ricardo: As pessoas! Sem duvida nenhuma!


Uchitel: Gostaria de ter mais tempo disponível, para “liderar” o TW?

Ricardo: a questão não é falta de tempo para liderar. A gestão de problemas de jogadores é algo que não ocupa muito tempo, porém a gestão de equipa e desenvolvimento de “novidades” é o que mais tempo consome.


Uchitel: Um Jogo de Perguntas Rápidas. Uma cor? Uma música? Um Livro? Um lugar?

Ricardo: Verde, a cor do top da rapariga à minha frente. Portishead – A musica a tocar nos meus auscultadores. Livro: “Pickup lines for dummies” (é uma piada especial para alguém que está a ler, o livro ainda não existe). Maastricht! Provavelmente o paraíso na terra.


Uchitel: O que faz nas horas vagas? Qual(is) seu(s) hobbie(s) e/ou esporte(s) prediletos?

Ricardo: Tenis, Squash, Parapente, natação, fotografia, xadrez, borgas! E viajar…


Uchitel: Bem Ricardo.Como você era quando criança? Sapeca,Quieto, tímido,inteligente?

Ricardo: Eu, em versão criança… ficam aqui dois curtos episódios da minha infância.

Aos meus 6 anitos, estava a sair do McDonnalds, ainda com o segundo big-mac na mão a dizer que estava cheio e não queria mais, enquanto a minha mãe dava-me o sermão que havia pessoas em África a passar fome (uma frase típica). Eis que no nosso percurso da minha birra estava um marco de correio, sem mais pus o Big-Mac lá dentro e disse “pronto! O correio entrega em África, certo?” Nessa semana por algum estranho motivo a televisão também foi entregue com a hamburger.

O segundo episódio foi aos meus 11 anos, quando por acidente beijei a minha parceira na aula. Foi um acidente que se prolongou e confinou a repetir-se mais tarde. Então numa aula de Português sentava-se a Alice e o Ricardo na primeira fila, quando ambos falavam para as mesas do lado e a professora se lembra de aproximar da mesa e mandar um berro, a nossa reacção foi olhar para o para o centro da mesa e aconteceu. Por mais que esta historia seja contada até hoje a docente não acredita que foi um acidente…


Berunoxxx: A equipa de suporte, conhece-se pessoalmente, têm reuniões pessoalmente? Ou apenas se conhecem pelo msn, ou,  skype…?

Lamios: Alguns conhecem-se pessoalmente… eu para já só pelo skype

Sudritter: Tiago escreve por ordem alfabética

Relaxxx: só tenho um mês de equipa, nem tanto 🙁

Tiagus: Alguns conhecem-se pessoalmente, outros não

EnteiRocks: LOL ?

Sudritter: Só os que estão dispostos a ressaca é que se conhecem lol, já conheci a lenaaraujo metam na lista!

Ricardo: Goloso!

Bebesinha: já conheço alguns… e tenho a agradecer o facto de se terem deslocado para os poder conhecer, Obrigado Ricardo e Nuno. Espero em breve conhecer todos os outros em especial a Carvalhoes.

Pekenino: Eu conheço alguns membros da equipa porém gostava de conhecer mais alguns mas devido à posição geográfica (deles) ainda não me foi possível conhecer a equipa toda.

EnteiRocks: Txii ainda me faltam imensos, cerelac, tiagus, kris59, DaisyBe, relaxxx e rpaiva… quem os manda serem sulistas? 😛 Os restantes são vizinhos, fizemos a pré-primária juntos.


Berunoxxx: (Ricardo) Quando eras criança, sonhavas um dia, ser administrador de comunidade, de um jogo famoso, como o tribos?

Ricardo: nem de perto, nem de longe. Quando eu era criança a internet ainda não existia para fins comerciais. Foram apenas alguns anos mais tarde que surgiu. Os primeiros jogos online comunitários foram lançados ao público já eu era um adolescente inconsciente.


Worlords: vocês não ganham dinheiro pois não?

RPaiva: Pagam-me 5000€ / mês de despesas de representação. Não vou, como é obvio, revelar qual o meu vencimento.

Sudritter: Ganho menos que o paiva infelizmente

Bebesinha: tou tesa quando é o próximo aumento? Mas que parte de trabalho voluntario é que não percebem???

Lamios: ganho dores de costas que estas cadeiras de escritório fazem mal à coluna… recebo principalmente descascas da Larkin

Relaxxx: Ganha-se experiência e aprende-se a trabalhar em equipa

Pekenino: Não temos qualquer vencimento. Mas a nível pessoal é gratificante poder ajudar outras pessoas e também fazer parte de um projecto em forte crescimento e claro, o nosso convívio no skype.

EnteiRock: No ano passado pelo Natal ganhei um bolo-rei, prenda de um utilizador, e um relógio do meu avô.


Rafita King: Imaginem que jogam num mundo qualquer (administração imagine também, embora não possa jogar), e estão em guerra com outra tribo. Usariam as vossas permissões para bloquear alguém da tribo inimiga, ou seja, em benefício pessoal?

Ricardo: totalmente fora de questão, para isso existem os testes aos mundos antes deles serem lançados ao publico.


brunex5: Quais foram as vossas melhores experiências pessoais nos mundos? Sempre pertenceram a grandes tribos e foram grandes jogadores ou estiveram a jogar isto por gozar até irem parar á Administração?

Ricardo: eu por acaso estive na liderança de uma enorme tribo, mas nunca levei o jogo a serio até começar a trabalhar na InnoGames.

Bebesinha: Gostei de construir casinhas, não me chamem nooba!

Rpaiva: Irmandade dos Lobos. A grande tribo do servidor PT, a meu ver. Sou um jogador mediano.

EnteiRocks: txii, ninguém me paga o jantar?

Sudritter: Definam grandes tribos e grandes jogadores. Joguei e jogo… em grandes tribos? em tribos simpáticas, isso sim.

Relaxxx: Comecei a jogar no .pt há muito tempo atrás, no M3 (na brinca, jogava a serio no servidor romeno). Após algum tempo entrei no M5 (também na brinca, joguei pra ai 1-2 meses e deixei de jogar) e agora entrei para o M10 (na brinca com uns amigos) e acabei por entrar numa tribo que gostei muito e apaixonei-me por ela (é a minha namorada, birlik), e agora sou top1 ai.

Ricardo: Vamos ao Chinês?

Pekenino: Pekenino: A minha melhor experiência sem dúvida foi ser líder da tribo Drink! no mundo 6. A minha primeira tribo no servidor PT foi a Spartakus (m3), não era uma grande tribo. Mas sempre joguei por gozo até vir parar à equipa!

EnteiRocks: A única tribo que tive no servidor português foi no mundo 2, #DT, joguei a um nível razoável e depois apaguei a conta.


brunex5:  (Admins) Como foi o vosso sentimento quando descobriram que se ia abrir o server PT e o primeiro mundo?

Ricardo: ainda estava a dormir, tinha imenso sono!


Horny Rhyno: Qual o motivo que vos leva a quererem ser moderadores? Fama? Poder? Ajudar a melhorar a comunidade?

Sudritter: O pekenino é sempre o mesmo atrasado… Quem não gostaria de estar numa equipa de suporte tão divertida?

Tiagus: Entrei na equipa para poder contribuir para melhorar cada vez mais o jogo, aprender a trabalhar em equipa, e conviver com mais pessoas 🙂

Pekenino: Fama? Não… Não gosto nem quero… Por isso mesmo quando entrei para equipa poucos souberam por mim a entrada na equipa… Poder? Não… Eu quis ser moderador para ajudar a comunidade e zelar pelas regras do jogo / fórum.

EnteiRocks: uiii que mentira

Lamios: Ninguém me avisou que chovia pm´s quando se é moderador.

Relaxxx: Simplesmente gosto de ajudar a comunidade e também é uma forma de eu aprender a trabalhar em equipa, certamente vou conseguir aprender.

EnteiRocks: Inicialmente a curiosidade pela experiência de estar “do outro lado”. Com o tempo ganha-se o gosto pelo trabalho, falo por mim, mas acredito que muita gente se possa iludir… Isto até é “engraçado” mas não é brincadeira, é trabalho.


mretfc: porque é que só há speeds longos?

Ricardo: são apenas feitas rondas que estamos com capacidade de controlar em tempo útil. Porém estão previstas inovações.


Sir. Costa: Porque é que, os utilizadores daqui do Fórum, está sempre destabilizados? Uns dias, está em grande massa aqui neste Fórum, outros dias, está às moscas… Porque será?

Ricardo: Cada dia tem a sua época alta e baixa. O fórum a nível de actividade é bastante estável.


Sir. Costa: Porque é que, não Existe Alguem “Especializado”, para Fazer Certos Concursos, e Tomar Conta do Café-Esplanada?

Ricardo: A nossa prioridade é ter uma comunidade estável e que cumpra com as regras, o excesso de spam é a ultima coisa que queremos.


Sir. Costa: Porque é que, Aqui no Fórum, só estam Sempre 3/4 Mod’s? ..Da Equipa Extensiva de Mod’s, que há?

Ricardo: Para ser honesto, basta que esteja pelo menos um para alertar um supervisor ou co-administrador para resolver seja que problema for… Como pode reparar o nosso fórum prima por não ter excesso de cyber-trash.


Jonyalex: Qual foi o pior erro que já cometeram no jogo?

Lamios: dissolver a CEL47 no mundo1 num acto de pura “mimalhice”

Relaxxx: O meu pior erro que cometi no jogo foi mandar ataque com tropas defensivas, ou então atacar com nobre e sem tropas 😀

Sudritter: deixar o servidor 14.de devido a exames que nem precisariam de estudo

Pekenino: O pior erro que fiz senão estou em erro foi mandar ataques em vez de apoios às minhas aldeias.

Relaxxx: Cita “Pekenino: O pior erro que fiz senão estou em erro foi mandar ataques em vez de apoios às minhas aldeias.” também me aconteceu isso.

EnteiRocks: Ter uma tribo de 8 jogadores contra o resto do mundo, serve?

Ricardo: ter deixado o cerelac conquistar as minhas aldeias num speed.


Mretfc: Porque é que nunca respondem as msg. pesoais?

Ricardo: whats the point? Eu leio as mensagens todas e respondo apenas aquelas que devem ser respondidas (caso raro). 99% das mensagens que me são enviadas podem ser respondidas por qualquer membro da equipa.


ivan17: Porque é que dão warns aos membros que fazem SPAM e não aos que andam a se insultar uns aos outros?

Relaxxx: Quem é que lhe disse que não damos warns por insultos? Lool

Sudritter: Ivan, não reclame e denuncia esses casos! ai…

Lamios: Não é possível dizerem isso quando não sabem os warns /infractions que damos

Relaxxx: Por insulto é atribuído um warn sim, isso dependendo da gravidade do mesmo.

Pekenino: TODOS os utilizadores que não cumprem as regras são punidos. Contamos com a ajuda dos utilizadores através do ‘Alertar Moderador’ sempre que alguém não cumpre as regras do Fórum.

EnteiRocks: Porque se for pouco grave o spam leva Warning, e os insultos levam Infraction.


Guyincognito: O que é a API-Key?

Ricardo: é uma nova forma de autentificação entre ferramentas, brevemente será mais utilizada.


lili.p.: têm alguns pré-requisitos na escolha dos moderadores?

Ricardo: Vários! Idade, disponibilidade, conhecimento de jogo, conhecimento de regras, temperamento… enfim a lista é loooonga. Não sei se a questão era a algum em concreto…


brunex5: A “patrulha” de contas em massa para descobrir multi-contas e outras infracções é feita por alguns moderadores em especial ou é feita por todos os moderadores?

Ricardo: é um programa, a componente humana é responder a apelos e coordenar as datas.


lili.p.: alguém responde as perguntas?

Ricardo: o fulano fugiu com o saco das respostas, estamos a negociar o resgate…


Alphos: Porque é que parte dos warnings são escritos em inglês se o fórum e português

Sudritter: culpa do sistema

Lamios: Não tenho nada a ver com isso, vou sair. Até logoooo

Tiagus: O sistema está assim e coiso.

Pekenino: Versão do fórum (creio).

EnteiRocks: Disseram que o inglês era mais sexy (…)


ze-cmd: Sei que disseram para os jogadores colocarem as configurações que gostariam de ter no mundo 13 mas não seria também PORREIRO colocarem várias SONDAGENS no que vos interessasse saber a nossa (comunidade=jogadores) OPINIÃO??

Ricardo: O fórum nem sempre representa a comunidade, as sugestões tem sido lidas frequentemente, porém a decisão final não é feita por votos. Seria apenas estar a tapar o sol com a peneira… pois quando uma parte das configurações não reflectisse o mais votado seria um problema.


Até à próxima.
Ricardo, Administrador de Comunidade

Mais uma vez sem tribos

Mais uma vez correu uma ronda speed “sem tribos”, durante 10 dias os jogadores batalharam entre si numa espécie de todos contra todos.

As configurações deste primeiro mundo tinham algumas características especiais, salientando-se:

dssr.15.01

Duração:
10 dias
Velocidade:
250
Tribos:
Modo de substituição
sem tribos
Academia
moedas
Equipa de suporte:
N/A
Modo nocturno:
Activo
Bónus nocturno:
Desactivado

Esta foi uma ronda “tipca” dos sem tribos.

dssr.15.02

Esta ronda contou com 469 jogadores (dos quais 123 foram banidos).

Regra

contas

§1 Partilha de ligação / multi-contas
87
§2 Co-Playing
§3 Modo de ferias
§5 Comandos e transportes ilegais
35
§6 Modos expressivos
1
Restantes regras:
Total:
123

Após 10 dias, o TOP 3 no final foi:

Lista de classificações

Pontos

Atacante

Defensor

1º Classificado AFHM col.lima speedcars
2º Classificado col.lima speedcars fernando116
3º Classificado hivo AFHM Mary Si

Como se torna habitual, nesta ronda foram 26% dos jogadores bloqueados por infracções às regras. Porém a maioria dos jogadores que ficaram no topo da classificação não foram bloqueados. Para nós enquanto equipa de suporte apenas demonstra que cumprir as regras só compensa.

Ricardo, Administrador de Comunidade

You got questions… we don’t always have answers…

Continuando com a iniciativa da semana passada aqui ficam mais algumas respostas aos nossos jogadores 🙂

bret the hitman hart: Como foi escolhido o administrador para a comunidade? É voluntário ou recebe algo?

Ricardo: Eu fui recrutado para a InnoGames GmbH através de um amigo. A minha posição na empresa é assalariada.


exorui96: Conseguem considerar bem o quotidiano (família, trabalho, etc…) com a “profissão” de moderador?

Lincoln.: como e as vezes para quem tem uma vida cheia conciliar a moderação com a vida pessoal?

Ricardo: A minha ex não gosta(va) do meu trabalho, por algum motivo ela nunca gostou de dividir a minha atenção com milhares de pessoas… Não sei se era ela que era muito possessiva ou se realmente são tantas as horas que se perdem aqui, mas algo me diz que era um pouco das duas coisas…

Ogait87: o que é que há para conciliar!?

Pekenino: Por vezes é difícil conciliar devido ao trabalho, família, etc. Mas com se soubermos gerir bem o nosso tempo conseguimos fazer tudo e ainda sobra bastante tempo.

Mc_Peralta: É tudo uma questão de gestão de tempo. Toda a gente tem tempo para o que gosta de fazer, logo que queira. O importante é compreender que a moderação é um part-time, mas compreendendo que é um trabalho de responsabilidade, e que merece grande respeito por parte de todos os moderadores, tal como por parte dos jogadores, perante toda a nossa dedicação à moderação.

Cerelac: Bem, confesso que por vezes consegue ser um pouco difícil, mas com vontade tudo se consegue e é claro que se conseguirmos distribuir bem o nosso tempo, conseguimos fazer um pouco de tudo e bem feito.

Sudritter: Na verdade é relativamente facil de conciliar, claro que os meus amigos já me disseram “Passas a vida nesse jogo” e coisas do genero, mas é ironico que quando me disseram isso estava numa fase em que dos 7 dias da semana só saí 6. Ou seja, ha sempre tempo para tudo, desde que se queira e haja vontade. Quando começa o ano lectivo cria-se uma rotina que engloba tudo isto, o que me faz dizer que não é realmente algo diferente de qualquer outro projecto pessoal! algumas pessoas tem o futebol, outras tocam guitarra, outras passam horas em frente da playstation, e por fim nós, dedicamos algum tempo a uma comunidade, tudo se enquadra quando temos tempo e vontade. Pelo menos esta é a minha maneira de ver isto, é um projecto pessoal, tal como tanta gente os tem.

Aquarius: Depende sempre do tempo que se dedica ao jogo, depende do “trabalho que os utilizadores nos dão”, depende das tarefas que temos, o facto de gostar do jogo dá-nos maior facilidade em responder às solicitações porque no fundo estamos a ajudar outros jogadores a compreender melhor o jogo, as suas regras etc…

Acima de tudo é importante que a equipa funcione como um todo, e que não trabalhe só um ou dois porque senão o peso cai sempre em cima de poucos gerando mais trabalho para esses. Graças a Deus que temos uma equipa onde todos trabalham e podemos facilmente resolver os problemas.

Rastadude: Como em tudo tem as suas fases… há alturas calmas e alturas em q aparece tudo para fazer seja na família ou na equipa!

Larkin: Como em tudo o que fazemos, o tempo que disponibilizamos para as actividades, hobbies e afazeres tem que ser gerido, se nos queremos manter nas acções a que nos propusemos. Quem não souber conciliar o necessário com o lazer dificilmente conseguirá ser produtivo, cumprir com os compromissos e gozar do tempo que lhe sobra.


Mazik: Visto o mundo 13 ser tão desejado e haver um spam de tópicos enormes sobre ele qual é a vossa reacção mesmo depois de terem dito que dariam informações estarem sempre a ver o mesmo? Nunca vos apeteceu mandar-nos calar por sermos tão chatos?

Ricardo: Já… muitas vezes… porém uma característica essencial para estar nesta equipa é ter quantidades infindáveis de paciência e controlo. Há imensas situações que realmente nos tiram do serio. Porém um dos primeiros conselhos que dou aos novos membros da equipa é que eles tem sempre mais a perder que quem os está a “provocar”…

Mas o pekenino consegue ser mais chatos…

Cerelac: Sim, claro que nos apeteceu? posso dizer isto?

Ogait87: fechar todos os tópicos sobre isso, não deu essa impressão!?

Aquarius: A resposta tem que ser cordial…

Airking: Claro que não, pois todos são livres de opinarem, duma forma geral tentamos sempre ser imparciais de forma a que se consiga agradar a todos… mas lá diz o velho ditado que “não é fácil agradar a Gregos e a Troianos”.

MC_Peralta: Como toda a gente, depois de indicarmos as únicas informações que sabemos aos jogadores, e insistência dos jogadores no mesmo assunto, é sempre chato. Mas o nosso trabalho é apoio aos jogadores, e sempre que for dentro das regras de jogo, temos de respeitar todas as dúvidas do jogadores, e ajuda-los na resolução das mesmas, mesmo sendo a resposta tão fácil de encontrar, e os jogadores nem sequer procurarem a resposta, antes de perguntarem…

Cerelac: Bem, como moderadores temos que responder sempre com respeito e educação porque se não o fizermos estamos a por mal vistos não só a nós mas também a equipa. Por isso, pode-se dizer que temos que nos sujeitar a respostas sem educação mas responder com educação e ter MUITA paciência para repetir várias vezes o mesmo, se necessário.

Rastadude: O q será que acontecia se o fizemos? O mundo 13 é claro q suscita interesse em todos mas tudo o poder ser dito e informado será feito na altura certa.

Aquarius: A nossa reacção é sempre de explicar aos jogadores sobre tudo com as informações que possuímos e desde que os jogadores percebam que não possuímos mais informações o facto de estarem sempre a perguntar não nos perturba porque a paciência é uma qualidade essencial numa equipa de Suporte, não só relativamente a mundos novos, como em Apelos que parece que são incompreensíveis, a erros que aparentemente não existem… entre outros. Queremos acima de tudo ter o respeito por todos os jogadores que eles merecem, como qualquer ser humano merece.

Larkin: Sim, já. No entanto, percebo a (falta a palavra)… dos vários utilizadores, a pouca experiência da utilização das ferramentas do fórum e a ansiedade dos mais novos. Para que as situações normalizem devemos ser os primeiros a manter a calma, ter em consideração a necessidade dos utilizadores expressarem as suas opiniões e criar os ambientes adequados para discussões fluidas e produtivas.

Sudritter: Já vai abrir o pt13?

Pekenino: A minha reacção é de desilusão pois vê-se que os jogadores não procuram antes de postarem uma dúvida.

Não é mandar calar por serem “chatos” com a mesma pergunta… O que queria era vos dar um TPC em que tinham que escrever 100000x o seguinte: Eu irei procurar antes de abrir um tópico. Eu irei procurar antes de abrir um tópico. Eu irei procurar antes de abrir um tópico…


ivan17: Pergunta para a equipa de suporte: Quando um membro da equipa excede-se como é gerida a situação? É imediatamente expulso? é ouvida a sua versão da história antes?

Ricardo: Existe um protocolo para isso que passa por mim a dar um grande sermão, mas deixo os outros membros da equipa responderem a isso.

Cerelac: É claro que é ouvida a versão deles, cada história tem o seu lado, e ouvimos ambos. Após isso, é tido em consideração o que foi tido e em conjunto e será dado um castigo em consideração à infracção.

Pekenino: Quando nos excedemos? Bem, isso é muito raro pelo menos da minha parte. Mas é ouvida a nossa versão sobre a nossa acção.

Ricardo: pekenino, memoria curta…

AirKing: Este tipo de situações são reportadas sempre aos nossos supervisores, são eles que decidem e que tomam as devidas precauções. A imparcialidade reina acima de tudo, é claro que ambas as partes são ouvidas e consoante o número de regras infringidas são efectuadas as devidas sanções.

Sudritter: Sinceramente toda a gente erra, existem limites claros, mas dentro dos parâmetros toda a gente é ouvida.

Mc_Peralta: Como em todo o lado, é ouvida as duas partes da história. Sendo a situação gerida pelo nosso administrador, será o próprio administrador a decidir o que é feito. Mas, dependendo da gravidade da situação, não serão logo expulsos, havendo uma chamada de atenção antes, já que qualquer pessoa tem direito a errar e a exceder-se por motivos de carácter pessoal.

Aquarius: Normalmente depende do excesso cometido pelo membro da equipa, existem excessos na punição, excessos nas advertências, erros em perguntas, erros em apelos, entre outros. Normalmente o administrador, co-administrador, e supervisor falam com a pessoa individualmente sobre o seu erro ou excesso cometido e se o excesso for realmente grave para um membro da equipa do Suporte poderá ser expulso, isso vai depender da gravidade, às vezes pode ser apenas necessária uma advertência por parte do Superior.

bernas14: Porque é que o PT13, está a demorar tanto tempo para abrir?

Ricardo: Os mundos não abrem porque uma centena de jogadores pedem, quem decide as datas é a InnoGames GmbH, que não abrem nem tarde nem cedo, mas sim na altura que eles querem.


Banitu: Aqui vai uma para o Ricardo: – O mundo 13 irá abrir na primeira semana de Setembro? Porque que ainda não abriram a aba para o mundo?

Ricardo: Na realidade o pt13 está previsto para segunda metade de Setembro, porém a sua zona já foi criada.


lio14: Porque é que os Recentes Moderadores não participam muito no fórum? Para não causarem má impressão “sem querer”?

Ricardo: quando eles entram na equipa eu aviso-os que os utilizadores tem dentes e mordem 🙂

Aquarius: Tipo, creio que qualquer membro recente da equipa se sinta um pouco constrangido de começar imediatamente a participar activamente no Fórum, podem ser mais ou menos tímidos mas como moderadores têm especiais cuidados com as mensagens que colocam no Fórum pois são vistos como exemplo para os outros jogadores.

AirKing: Eu tento sempre de certa forma responder e mostrar alguma actividade, porém por vezes é me difícil opinar quando não tenho conhecimento dos assuntos. A par e passo tenho mostrado mais actividade do que o 1º dia. Nestes casos é perfeitamente normal, até estarmos ambientados ao meio que nos rodeia.

Sudritter: Depende do conceito de participar. Se participar for postar no bar, muitas vezes é por falta de tempo ou até paciência, existem vários tipos de personalidade, uns interagem mais com os membros, outros menos, depende de cada um.

Mc_Peralta: Não é uma questão de errar, mas é normal que com o tempo ganhem mais confiança para executar mais vezes, e estarem mais activos no trabalho que lhes é dado

Pekenino: Talvez estejam a passar a parte que eu passei, ter cuidado a não fazer nada de errado. É impossível não cometer erros, mas é possível evitá-los, por isso mesmo devem estar a ganhar confiança para ‘entrar em acção’ como aconteceu-me.

Larkin: ooohhhh

Rpaiva: loooooooool

Larkin: Como quando entrei para a equipa, a responsabilidade em cada acção de moderação é feita sob grande pressão uma vez que estamos a ser supervisonados não só pelos supervisores que nos vão indicando erros/falhas ou pela administração, mas também pelos utilizadores. Todas as informações transmitidas aos utilizadores tomam uma importância maior perante a comunidade e consequentemente o receio em cometer erros nas ideias ou maneiras de as transmitir é, também, maior.


Mazik : Ricardo: São dadas muitas sugestões para melhoria do jogo. Algumas sem sentido mas outras boas. É possível fazer essas alterações sem ser necessário falar com a InnoGames?

Ricardo: Há implementações que são feitas a nível local sem ser necessária a intervenção da InnoGames, porém são casos muito raros.


Johnnyherbert: Quais são os critérios de escolha de novos membros para a equipa de suporte? Todas as candidaturas são analisadas?

Ricardo: Honestamente, sim todas as candidaturas são vistas, e por vezes para a nossa infelicidade. Existem muitas pessoas que não levam a serio o processo de candidaturas, sendo esse um dos motivos principais pelo qual decidimos mudar o processo, de agora em diante as candidaturas passam a ter um teste que consoante o resultado podem ser eliminadas sem serem vistas por pessoas.

Ainda neste assunto, adianto que procuramos pessoas responsáveis que queiram fazer parte de uma equipa de trabalho divertida e responsável.


Skull Dead: Será que o Grepolis vai aparecer ainda este ano?

Ricardo: As previsões actuais indicam que ainda deve ser lançado este ano, porém podem haver atrasos. De momento tanto a InnoGames como a nossa equipa não se quer comprometer com uma data.


Lamios: O tópico/iniciativa morreu?

Ricardo: Isso serão os nossos jogadores que devem decidir…

Versão 5.6

Segunda-feira, dia 31 de Agosto, os servidores irão ser actualizados para a versão 5.6, desta forma é de se esperar que haja um curto período de tempo que os servidores esteja indisponíveis.

– O nome do relatório de um ataque renomeado passa a ser igual ao do comando.
– Lista de relatórios: Adicionadas opções de navegação ao topo da pagina.
– Novos tipos de acessos nos fóruns das tribos: Possibilidade de restringir o acesso ao fórum (às abas) a “membros de confiança”. Os lideres das tribos conseguem sempre ver o fórum todo.
– Melhorado o método de gestão de mais de 1000 comandos a chegarem.
– Rondas Speed: Melhoradas as condições de vitoria e notificações:
* Desactivado o modo nocturno para jogadores nas condições de vitoria.
* Sempre que um jogador atinge ou perde as condições de vitoria será enviado um relatório.
– o código BB de imagem agora é permitido nos anúncios internos das tribos
– Bugfix: Simulador: Paladino com telescópio era visualizado como sobrevivente, mesmo que todos os batedores morram, agora se todos os batedores morrem o paladino também morre.
– Bugfix: Ao apagar uma mensagem de uma pasta especifica já não será mais encaminhado para a inbox.
– Bugfix: Praça de reunião: Ao usar todas as tropas não serão mais apagadas as já inseridas.
– Bugfix: barra de códigos BB: nos anúncios internos da tribo ainda manter-se-á mesmo depois do pré visualizar.

Obrigado,
Ricardo, Administrador de Comunidade

Speed dos bloqueios de contas

Assim, como já é de habito nesta comunidade publicamos mais um relatório da ronda speed, que tenho que dizer foi uma enorme supresa para mim ver os resultados finais desta ronda.

dssr.12.01

As configurações deste primeiro mundo tinham algumas características especiais, salientando-se:

Duração:
14 dias
Velocidade:
100
Tribos:
Modo de substituição
activadas
Academia
de niveis
Equipa de suporte:
não
Modo nocturno:
activo
Bónus nocturno:
desactivado

Esta foi uma ronda regular de velocidade 100x, com o modo nocturno e academia por níveis.

dssr.12.02

Esta ronda contou com 505 jogadores (dos quais 102 foram banidos).

Regra

contas

§1 Partilha de ligação / multi-contas
70
§2 Co-Playing
0
§3 Modo de ferias
0
§5 Comandos e transportes ilegais
30
§6 Modos expressivos
2
Restantes regras:
0
Total:
102

Após 14 dias, o TOP 3 no final foi:

Lista de classificações

Pontos

Atacante

Defensor

1º Classificado speedcars DODOTz*Z DODOTz*Z
2º Classificado L0rdka0s Pedro MrA qintas
3º Classificado hivo Sick. inesjoao

Para grande espanto meu, e da equipa de moderação desta ronda deparamos com uma quantidade enorme de jogadores banidos do top 10. Pela primeira vez vimos tantos jogadores banidos em posições de topo e ao mesmo tempo.

Ricardo, Administrador de Comunidade