Arquivo de etiquetas: sendo

Priceless: saber dizer não

noQuando decidi iniciar as minhas sátiras e reclamações dos seres que habitam este planeta olhei para as minhas experiencia de vida e dissequei várias como gozaria com os meus netos (se tivesse o azar de ter filhos). No entanto, olho para trás e vejo os sábios conselhos que deixei a amigos e colegas (sem o intuito de me passar como um expert) de situações da paixão carnal. Contudo as abordagens feitas acabaram por ser um pouco da minha forma de olhar para o mundo e de como reajo em dadas condições da vida.

Como qualquer ser digno do nome humano, já tive os meus momentos do auge como os momentos que afundam-se (ligeiramente) abaixo do normal. Estes são muitas vezes os momentos mais marcantes na vida de qualquer pessoa e a forma como os abordamos definem muito sobre nós.

Então, no paradoxo da busca da supremacia do ego e da excelência do ser, e não é cogito ergo sum (tradução: penso logo existo). Mas a capacidade de moldar as circunstâncias ao nosso prazer, e isso sim implica pensar um pouco.

Não sei bem porque, mas as maiores lições que tenho tirado na vida saem daquelas saídas com um campo de batalha entre os sexos. Tal como anteriormente disse, a interacção com uma perfeita desconhecida é algo que me traz grande prazer, como faz com todos os seres humanos. Afinal de contas, nada puxa mais lustro ao nosso ego que o reconhecimento da nossa pessoa por um par atractivo.

No entanto, com os anos de experiencia e o relativo sucesso nestas investidas com o sexo oposto traz sempre alguns problemas. Sendo o primeiro, que de alguma forma a coisa torna-se fácil e por esse motivo é necessário subir a aposta. Isto é algo que resulta ainda durante algum tempo, afinal de contas busca-se um premio maior… Mas rapidamente, ganha-se a fama e desde que entramos na era da inclusão digital a fama cresce bastante mais rápido e com isso temos dois novos níveis de alvos, os que oferecem resistência e aqueles que pintam a tabuleta.

Sobre os que pintam a tabuleta não irei falar, visto que é demasiado fácil e volátil que a sua utilidade é para quando alguém acaba de sair de uma relação e precisa do seu rebound. Já os que oferecem resistência são dignos do esforço extra. No entanto feito o tal esforço extra, apesar de nem sempre se conseguir, grande parte das vezes consegue-se quebrar o gelo e passar ao nível seguinte.

É nesta circunstância que fico a pensar, afinal de contas tanta dificuldade? Será que vale mesmo a pena, ou esta dificuldade é para fomentar algo mais serio? Eu quando sai de casa não andava à procura de namorada ou algo do género e agora arranjei uma?

Na minha perspectiva pessoal e deturpada isto é quase como ser mulher e chegar a casa e dizer estou grávida… afinal de contas, as relações é um pouco como criar uma criança, dizem por ai que é preciso dar amor, carinho e ir regando com frequência.

Então é neste pânico que me saem as coisas mais aparvalhadas como o corte final, do género, “epah isto até está a ser interessante, mas tenho de confessar-te algo: eu vivo noutro país e estou cá apenas de férias” ou “eu até vos convidava para jantar, mas já sei que não aceitas e por isso fiz outros planos” ou mesmo “a minha namorada está à minha espera e tem uns ataques de fúria quando chego atrasado”. Bem, a verdade é ao ver a cara e a reacção do outro lado enquanto ferve em fúria e procura o objecto mais próximo para me atirar no momento que me despeço da companhia e sigo para a próxima aventura é, como diria os tipos da mastercard, priceless.

Então, se for como neste fim-de-semana, de conseguir iludir as investidas de uma pessoa ao qual meio envolvente se babava, ainda se torna mais divertido e o ego sobe em flecha.

A realidade é que nos tempos que correm a sociedade (real) mudou porém as pessoas continuam a acreditar no estereótipo que os homens continuam a ser fáceis e que para as mulheres basta estalar os dedos. Isso ainda acontece, mas já não é a regra sólida que foi outrora. E ter o controlo suficiente para dizer não a uma mulher (muito atractiva) é provavelmente um dos momentos mais bonitos na vida de um homem. É saber que não somos controlados pelas nossas hormonas e que somos capazes de resistir, mas acima de tudo termos a confiança que conseguimos melhor.

Nem sempre o pecado carnal pode ser a melhor opção, por vezes negar os prazeres da carne pode ser melhor.
O Advogado do Diabo

Its ALIVE! – lançamento de um novo mundo como acontece…

Durante os últimos dias estive bastante ocupado com a gestão da equipa e com os preparativos do pt13, que abriu ontem (quando tive a ideia de escrever este artigo).
Apesar de muitos dos jogadores já saberem grande parte do processo, fica aqui uma pequena narrativa de como acontece…

A decisão

Há apenas uma forma para iniciar-se um novo mundo, é quando da sede da InnoGames GmbH decide que está na altura de criar um novo mundo. Normalmente, conhecendo os factores que levam a esta decisão e a vontade da comunidade, nas minhas funções sugiro por vezes uma apreciação do status e verificação se as condições para um novo mundo estão reunidas.
Uma vez que a sede decide que está na altura de lançar um novo mundo é me comunicada qual a semana para o lançamento e dois a três dias preferenciais. Com estes dados, tenho que escolher o dia em que a equipa estará melhor preparada para lidar com o lançamento.

Curiosidade: é (quase) impossível de um servidor ser lançado a uma sexta-feira 13, não por causa de superstição mas por falta de disponibilidade técnica.

Após acertada a data é preciso marcar com o suporte técnico, para qualquer eventualidade, tal como fazer o reset ao mundo antes de lançamento.

É nesta altura que também se inicia as negociações das configurações, regra geral eu peço velocidade 5x e depois é analisada a velocidade dos mundos anteriores e futuros para se chegar a um consenso, porém o espaço de negociação nesta parte é um pouco mais de apelo.

Uma vez decidida a velocidade começa a ronda das restantes configurações e a manutenção do equilíbrio. Neste aspecto é dado perto de uma semana para se propor as configurações desejadas.

Após saber as datas

Depois de definidas as datas, vou ao painel de configurações e começo a configurar alguns detalhes, sendo o primeiro a velocidade para 2000x a 60000x. Uma vez acabadas as primeiras configurações, está na altura de dar permissões aos co-administradores neste novo mundo e informo os membros da equipa que o mundo está disponível para ser testado e onde o podem fazer.
Durante este tempo a minha primeira preocupação é a integridade do servidor e a sua jogabilidade – se é viável a longo prazo. E são feitos os ajustes de configurações neste momento.

Curiosidade: a velocidade mais rápida num servidor português foi 120000x no pt10.

Testado e configurado…

Após ter sido testado e configurado, as configurações são descritas à sede e explicados os motivos, a qual pode concordar ou não. Caso haja discordância com uma configuração, terá de ser tudo ajustado de novo nesse momento. Nesta altura é quando são conhecidas as configurações finais de um dado mundo. Pode, em raro caso, acontecer que estas são alteradas no momento de lançamento.

Após estarem acertadas as configurações, continuamos a testar o servidor numa velocidade absurda até ao dia de lançamento.

No dia do lançamento

Este é um dia stressante em todos os aspectos, e começa logo de manhã cedo. Primeira coisa a fazer é contactar a sede e consultar quando é a melhor hora para o lançamento, após é pedir ao suporte técnico para fazerem um reset ao mundo e re-testar coisas essenciais como: a ajuda, premium (funcionalidades e compras), filas de construção, movimento de tropas, pontos, etc.

Curiosidade: Em todos os mundos que lanço começo sempre na primeira posição, não é batota é mesmo devido aos testes.

Uma vez, testado, novamente é revista a configuração do mundo e anunciado no fórum que está a abrir. E feita a abertura quando a sede disser “all is good, you can launch! And don’t forget best!”


Após isto são horas de espera a ver se tudo corre bem e não existe algum erro grave que exige suporte técnico.

E assim acaba uma pequena longa historia.
Ricardo, Administrador de Comunidade

Relatório de Julho

Como é habitual, todos os meses publicamos um relatório sobre as actividades da equipa de suporte do tribos relativo ao jogo. Este mês sendo o terceiro “fecha-se o trimestre” tal como decidi trazer algumas novidades aos relatórios.

Sendo a primeira novidade  a contabilização do trimestre,  estive a calcular aproximadamente o tempo (estimado) que foi dispensado pela equipa de suporte ao longo destes 3 meses. O total foi aproximadamente 2048 horas em três meses que foi repartido entre 12 pessoas ao longo de 3 meses.

Espero ainda num futuro próximo poder  também começar a contabilizar as acções de moderação do forum, sendo uma das novidades que está a ser estudada para inserção nestes relatórios mensais.

Passando às considerações sobre o mês (de Julho) passado, existiu um aumento significativo de bloqueio de contas e expulsões do servidor, estas duas situações foram essencialmente marcadas por 3 eventos, o retorno das inspecções massivas por parte da equipa de suporte (vulgas operações de limpeza) que resultaram em diversos bloqueios; a reacção de vários jogadores a bloqueios e ondas de protesto contra produtivas resultaram ainda em mais bloqueios; e por ultimo o famoso caso dos MCs (abordado abaixo).

Então os números deste mês e a comparação com os meses anteriores.

Acção de suporte Maio Junho Julho Total
Bloqueios de contas: 3137 994 3412 7543
Penalizações de contas: 4172 945 5345 10462
Solicitações de suporte atendidas: 7046 7170 9189 23405
Insultos analisados: 800 3281 2150 6231
Expulsões do servidor: 59 80 190 329

Como é possível de verificar os bloqueios de contas tem vindo a aumentar, o que não implica que as infracções tenham aumentado. Na realidade acreditamos que o nosso sistema de detecção de infracções de regras tem sofrido grandes melhorias que tem permitido detectar e actuar mais rapidamente sobre as infracções.

Como em todas as nossas operações de limpeza, verificamos que os jogadores tendem a perder a calma e a tomar atitudes que apenas os prejudicam, como insultar a equipa de suporte e partir para o fórum publico para discutir o seu bloqueio. Este tipo de comportamento apenas prejudica o jogador e os seus companheiros que (muitas vezes) os seguem. Nestas condições recomendo a todos os jogadores que mantenham a calma contactem a equipa de suporte para esclarecer qualquer duvida que tenham. Ao actuar desta forma será informado, caso não saiba, qual a regra infringida e como foi infringida, permitindo um retorno ao jogo mais rápido.

Ainda como novidade sobre o relatório, decidi partilhar  a situação mais marcante do mês de Julho. Como seria de esperar esta situação foi o caso dos MCs ao qual a própria InnoGames GmbH se prenunciou sobre o caso. Na minha perspectiva de administrador de comunidade tenho apenas a reflectir que foi um caso lamentável que demonstra uma das nossas maiores máximas enquanto equipa de suporte – zelar pelo cumprimento das regras e gerir a comunidade. Fomos obrigados a expulsar vários jogadores do servidor devido a participarem numa acção conjunta cujo o objectivo foi apenas destabilizar a equipa de suporte.

Creio que o relatório já se extende bastante, por esse motivo “encerro este trimeste” e aguardamos um melhor.

Ricardo, Administrador de Comunidade

Balanço do mês de Junho

De acordo com a iniciativa do passado mês, venho por este meio publicar os dados relevantes ao mês de Junho.

Em comparação com o mês anterior deparamos uma significante descida de infracções de regras resultantes em bloqueios de conta, acreditamos que o motivo pelo qual esta ocorreu foi devido à alteração do texto das regras do jogo. Sendo as “novas” regras mais claras e concisas também deparamos que os jogadores estão cientes sobre o que é e não é permitido no jogo.

No mês de Junho a nossa preocupação primária foi o desenvolvimento interno em métodos mais eficazes de controlo nas rondas speed, sendo a media de bloqueios por ronda perto dos 20%, um numero que ainda consideramos elevado. Ainda durante o mês de Junho foi desenvolvido um novo guia de actuação em caso de infracções de regras e formas de penalização das contas. Este documento será feito publico brevemente.

Em ultima analise, como dito anteriormente, detectamos uma descida de infracções “leves” por outro lado verificamos um aumento de infracções severas, tendo conduzido a um aumento directo das expulsões do servidor.

Assim, sendo ficam aqui alguns dados sobre o mês de Junho:

Acção de suporte Maio Junho
Bloqueios de contas: 3137 994 (↓)
Penalizações de contas: 4172 945 (↓)
Solicitações de suporte atendidas: 7046 7170 (↔)
Insultos analisados: 800 3281(↑)
Expulsões do servidor: 59 80 (↑)

Outras actividades da equipa durante o mês de Junho:

  • Reestruturação do sistema de penalizações,
  • Desenvolvimento das rondas speed,
  • Desenvolvimento de uma nova plataforma de candidaturas,
  • Verificação das actividades dos presentes membros da equipa e avaliação dos mesmos,
  • Desenvolvimento de novas ferramentas administrativas,
  • Planeamento novas ferramentas comunitárias,
  • Entre outros.
  • Ricardo, Administrador de Comunidade

    E assim começamos…

    Olá comunidades!

    Antes de apresentar o nosso novo jornal e outras coisinhas boas, queria expressar aqui as minhas sinceras desculpas relativas a situações que ocorreram durante o mês de Fevereiro e a minha “ausência” de espírito. Apesar daquilo que está feito, já passou e nada há a fazer, podemos sempre aprender algo com os eventos passados.

    NOVOS CO-ADMINS

    Assim sendo, é com grande prazer que vos apresento dois novos Co-Administradores, o André Rodrigues (arodrigues) e o Tiago Gonçalves (ogait87) que tomaram o lugar de braços direitos nos servidores BR e PT, respectivamente.

    poderá encontrar a discussão deste  tema em

    BR: http://forum.tribalwars.com.br/showthread.php?p=276473
    PT: http://forum.tribos.com.pt/showthread.php?p=113991

    WIKI

    Ainda, e finalmente, é o meu prazer anunciar que a nossa wiki (disponível em http://wiki.tribalwars.com.br e http://wiki.tribos.com.pt) está pronta para ser lançada ao público, os meus profundos agradecimentos a todos que trabalharam arduamente na realização deste projecto e que irão continuar a colaborar na conservação desta ferramenta.

    poderá encontrar a discussão deste  tema em

    BR: http://forum.tribalwars.com.br/showthread.php?p=276477
    PT: http://forum.tribos.com.pt/showthread.php?p=113993

    CANDIDATURAS

    Infelizmente, a primeira ronda de candidaturas não correu da melhor forma, ficou muito a desejar. Sei que inúmeros jogadores tem vontade de participar na nossa equipa e acreditem que nós estamos à vossa procura. Os inquéritos serão eliminados brevemente e dar-se-á inicio a uma nova ronda, por isso peço-vos a todos que tenham calma, façam um pequeno esboço da candidatura antes de a submeterem.

    Os formulários de candidatura podem ser encontrados em

    http://team.tribalwars.com.br/candidaturas/ ou http://team.tribos.com.pt/candidaturas/

    EVENTO

    Como vários jogadores sabem, no mês de Janeiro existiu um pequeno jantar de uma tribo do servidor BR em Portugal, ao qual fui convidado e tive enorme prazer de participar, já nesta altura ficou “combinado” repetir-se este evento numa data posterior de forma a abraçar não apenas uma tribo mas todas as pessoas possíveis. Naturalmente este é um processo complicado por diversos motivos, entre os quais, o facto de gerir duas comunidades separadas por um oceano, apenas estar ocasionalmente nos países em questão, entre vários.
    Porem, irá ser marcado dois eventos para este ano, sendo o primeiro em Portugal, na zona do grande Porto, possivelmente no dia 21 ou 28 de Março de 2009 (altura que será feito o encontro da equipa de suporte). Ainda durante o correr desta primeira semana será anunciada a data definitiva, e todo o processo de inscrição.
    No que respeita ao mesmo evento no Brasil, ainda não existem datas definidas, simplesmente ainda não é possível divulgar mais informações, mas será avisado com um mês de antecedência a todos os jogadores.

    pode ver a historia sobre o jantar em

    http://forum.tribalwars.com.br/showthread.php?t=23070

    e a discussão dos futuros jantares em:

    BR: http://forum.tribalwars.com.br/showthread.php?p=276479
    PT: http://forum.tribos.com.pt/showthread.php?p=113996

    JORNAL

    Este é o primeiro de muitos artigos que serão publicados aqui, o nosso objectivo é dar asas a um todo espírito da comunidade e envolver os jogadores ao máximo neste projecto, brevemente será publicado como participar no projecto e deixar os seus dedos correrem.

    Pode encontrar a discussão deste jornal em:

    BR: http://forum.tribalwars.com.br/showthread.php?p=276486
    PT: http://forum.tribos.com.pt/showthread.php?p=113998

    Desta forma agradece a todos que tornaram estes projectos uma realidade, a vossa ajuda foi, é e será sempre um gesto da minha gratidão, que com toda a certeza despertará o interesse de muitas outras pessoas e o envolvimento das mesmas.